D'jane Silva, Advogado

D'jane Silva

(10)Salvador (BA)
42seguidores3seguindo
Entrar em contato

Sobre mim

Advogada, Especialista em Direito Constitucional, MBA em Meio Ambiente e Organizações Empresariais e Sociais.

Verificações

D'jane Silva, Advogado
D'jane Silva
OAB 22,305/BA
PRO
Desde May 2017

Principais áreas de atuação

Direito do Consumidor, 17%
Direitos Humanos, 17%
Direito Empresarial, 17%
Direito Civil, 17%
Outras, 32%

Correspondência Jurídica

Serviços que realizo como correspondente jurídico
Buscas e apreensões
Cargas
Despachos
Andamentos
Exame de processos
Alvarás

Primeira Impressão

(10)
(10)

10 avaliações ao primeiro contato

Direito Civil

Direito de Família

Direito do Consumidor

Direito Imobiliário

Direito Penal

Direito do Trabalho

Mais avaliações

Recomendações

(65)
Rafael Guimarães
Rafael Guimarães
Comentário · há 2 horas
Os juízes parecem não conhecer a Constituição, quando esta diz que "ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei". Ora, não existe no Brasil nenhuma lei que obrigue o advogado a usar gravata para poder realizar uma audiência, portanto o que os juízes impõem já é algo ilegal. A expressão "vestimenta condizente" é bastante subjetiva e certamente comporta diversas interpretações. Já vi pessoalmente um juiz fazendo audiência sem paletó, com o colarinho da camisa desabotoado e as mangas inteiramente arregaçadas, isso com o ar-condicionado da sala de audiências em perfeito funcionamento. Os homens que advogam sabem o quanto terno e gravata são uma vestimenta absolutamente bizarra e inadequada para o clima tropical de nosso país, especialmente em cidades como o Rio de Janeiro, onde vestir terno e gravata num dia de verão chega a ser um ato de insanidade. Há muitos anos a OAB/RJ conseguiu que advogados trabalhistas tivessem o "direito" (!) de realizarem audiências sem gravata, devido ao calor insuportável nos corredores do TRT, que contava na época com deficiência no condicionamento de ar. A medida foi deferida pelo Tribunal, mas o fato é que penso que a gravata num clima tropical, como item obrigatório de vestimenta não passa de uma aberração estúpida e intolerável. Mulheres podem transitar até mesmo com saias curtas nos fóruns brasileiros, além de usarem camisas de manga curta, algo que lhes dá grande conforto. Por uma questão da tão buscada "igualdade de gênero" que no mínimo a estúpida e idiota gravata seja abolida. Este item do vestiário pode ficar muito bem em climas com baixa temperatura, mas num país tropical é uma tortura.

Perfis que segue

(3)
Carregando

Seguidores

(42)
Carregando

Tópicos de interesse

Carregando
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres
Fale agora com D'jane
(071) 99924-66...Ver telefone
Av. Tancredo Neves - Salvador (BA) - 41820000

D'jane Silva

Av. Tancredo Neves - Salvador (BA) - 41820-000

(071) 99924-66...Ver telefone

Entrar em contato